Pixel do facebook

O mundo está conectado através das mídias sociais e anunciar de maneira eficiente para esse público tem sido cada vez mais difícil, cerca de 75% das pessoas não acreditam em anúncios.

Atualmente os usuários recebem muita informação e em alta velocidade, portanto cabe a nós, profissionais do marketing, entender o nosso público e oferecer informação relevante, ao invés de empurrar produtos ou serviços goela abaixo. Por isso é tão importante ter um Norte e definir um planejamento estratégico. Mais adiante explicamos a você porque estar nas redes aumenta o alcance e o impacto da sua marca.

O impacto das mídias sociais

Embora alguns empreendedores e empresários resistam a investir em marketing digital, observando dados de pesquisas, podemos concluir que para ter relevância, um negócio deve ter um perfil na rede mais adequada a ele.

  • O número de usuários ativos em mídias sociais cresceu 9% entre 2018 e 2019¹. Sendo assim, o aumento foi de 288 milhões de pessoas ao redor do mundo.
  • O Brasil é o segundo país do mundo onde as pessoas passam mais tempo na internet¹. Não temos a melhor conexão, no entanto, nossa população passa em média nove horas e meia por dia na rede. A média global é de 6h42.
  • Mais de 3,4 bilhões de pessoas ao redor do mundo estão nas mídias sociais.

Neste ponto da leitura você já deve ter se convencido da importância de estar online, entretanto, nem tudo são flores. A seguir você saberá quais são alguns dos grandes desafios de quem investe em mídias sociais.

¹Wearesocial.com – Global Digital Report 2019

Desafios para as marcas

As leis do marketing como oferta, demanda, preço, promoção, concorrência, jornada do consumidor e tantas outras também agem no universo online. Contudo nós destacamos abaixo as forças não tão reconhecidas assim por muitas pessoas.

Bloqueadores de anúncios No Brasil 45% dos internautas usam bloqueadores de anúncio e dessa forma acabam não vendo o seu produto. A depender de seu público, essa tecnologia pode arruinar suas  campanhas. Por isso a produção de conteúdo relevante para fidelizar o consumidor é de muita relevância.

Fake News As notícias falsas são um mal das mídias sociais e ainda que sejam combatidas por plataformas, companhias e Estados, elas se propagam como uma peste. Travestidas da combinação de verdade e ficção, tais matérias são utilizadas para boicotar políticas públicas ao redor do mundo, manchar imagens de empresas e pessoas e até eleger presidentes. Seus títulos apelativos, “fatos” convincentes e menções a fontes de conteúdo tradicionais levam usuários ávidos por atenção online a compartilhá-las sem sequer questioná-las. Sendo assim, jamais às subestime para não ser vítima como a corretora de imóveis Monika Glennon que virou matéria de podcast da BBC News.

Regulamentação Intensiva Congressos e governos ao redor do mundo inclusive os brasileiros entenderam que é hora do Estado regulamentar a vida online tanto quanto a offline. Não sem razão essa necessidade surgiu. Os usuários já assistiram horrorizados a casos de plataformas que venderam dados deliberadamente, hackers se apropriando de informações sigilosas para aplicar golpes, ataques cibernéticos em escala global e ainda podemos falar das constantes violações de privacidade por parte de empresas de telemarketing.
Assim, por conta de casos similares aos relatados acima, textos como a LGPD brasileira restringem “o quê” e “como” as marcas podem usar as informações dos consumidores (por mais genuína que seja a campanha).

Agora que você conhece melhor as oportunidades e os desafios, chegou o momento de avançar rumo ao sucesso como instruímos nos próximos parágrafos.

Seu lugar ao sol nas mídias sociais

Agarrar oportunidades e superar os desafios da internet com certeza são objetivos que todo empreendedor desta geração tem que fazer. Um futuro promissor te aguarda, portanto você deve se preparar e nós estamos aqui ao seu lado. Então preencha o formulário abaixo para receber de nós uma consultoria sobre marketing digital e alavancar o seu negócio e seus conhecimentos.