Pixel do facebook

Independentemente de conhecimento sobre design ou programação, você mesmo pode avaliar a qualidade do seu site. Confira agora três aspectos muito importantes para páginas da web e três ferramentas para testá-los.

Três atributos de qualidade do seu site

O conceito de qualidade varia de acordo com o contexto. Contudo, tratando-se de sites, existem atributos comuns que fazem toda a diferença para o usuário. Desses, três são:

  • Velocidade/desempenho. Tem a ver com o quão rápido as páginas carregam em relação a quanto conteúdo elas possuem. O tempo de carregamento de suas páginas pode ser determinante para o fechamento de negócios pela internet e inclusive temos um texto para tratar só disso.
  • Interoperabilidade. Relacionada à compatibilidade do site com as diferentes plataformas para preservar a universalidade inerente às páginas web. A ideia da web é ser uma interface para internet que usa padrões abertos, mesmo a contragosto de alguns fabricantes de tecnologia. Portanto, priorizar a interoperabilidade entre navegadores e sistemas torna suas páginas mais atraentes e mais relevantes.
  • Acessibilidade. É o aspecto que trata da possibilidade do site ser usado por pessoas com deficiência ou não. Assim, em termos práticos, esse fator indica o preparo do seu site para atender a diversidade de habilidades humanas.

Nas próximas etapas deste texto entraremos em mais detalhes para explicar como aprimorar a qualidade do seu site. Então vamos lá!

Avalie desempenho de carregamento com o combo GTMetrix

Os fatores que mais prejudicam o carregamento são o uso de imagens grandes demais, não otimização da memória cache e não compactação de scripts e arquivos de estilo. A ferramenta GTMetrix analisa esses itens usando integração com Google Page Speed e YSlow, e assim fornece notas de desempenho mais acuradas.

GTMetrix Passo 1 - Acessar o site e inserir a URL

Após acessar o site e inserir o link da sua página, o sistema analisa os fatores que afetam a velocidade. Ao final você tem um relatório completo da situação de seu site.

GTMetrix analisando o siteResultado da análise com o GTMetrix. Nota C no Google com 78% e nota D no Yslow com 65%.

Observe as notas e outras informações obtidas com as ferramentas de teste do Google e Yahoo. Dessa forma você entende o que tem que melhorar.

Pronto! Embora a forma de testar tenha sido fácil, você acaba de avaliar um dos requisitos de qualidade mais importantes: desempenho. Já podemos avaliar a interoperabilidade agora.

Teste compatibilidade entre navegadores e sistemas operacionais com BrowserShots

Que a web é aberta para todos você já deve saber, mas e o seu site? Ele aparece bem para todo mundo? Use uma ferramenta de teste crossbrowser para descobrir. Esse tipo de recurso permite saber se a apresentação planejada está ocorrendo corretamente nos diferentes navegadores e sistemas operacionais do mercado.

O site BrowserShots.org tem funcionalidades que te permitem testar seu site em diversas plataformas. Sendo assim, de um jeito simples, você consegue visualizar suas páginas nos browsers Chrome, Firefox e Safari instalados em sistemas operacionais como Windows e Linux.

Bem como no GTMetrix, no BrowserShots você também tem que inserir a URL de sua página e aguardar a análise por parte do sistema.

BrowserShots. Na primeira tela você filtra os sistemas e navegadores nos quais quer testar.

Como você pode ver na captura de tela, todos os sistemas e navegadores vêm selecionados por padrão. Entretanto, é recomendável rolar a página até o rodapé, desmarcar tudo e selecionar apenas os mais relevantes para seu teste. Além disso é possível escolher quais funcionalidades você quer habilitadas no momento do teste.

Rodapé do site BrowserShots onde você pode desmarcar todas as opções para escolher apenas as que mais precisa. Aqui também é possível escolher quais funcionalidades do navegador estarão habilitadas.

Depois da análise você terá uma captura de tela do seu site em cada plataforma escolhida. Dessa forma, para cada tela há um relatório explicando elementos técnicos.

BrowserShots exibindo as capturas de tela nos sistemas e navegadores escolhidos para que você clique naquela da qual deseja o relatório.

Relatório detalhado de uma das capturas do BrowserShots no site da Guia-se Unidade Bela Vista.

Com as métricas de desempenho e interoperabilidade em mãos, finalmente podemos testar acessibilidade. Veja a explicação nos próximos parágrafos.

Verifique sua nota de acessibilidade com AccessMonitor

Como assim acessibilidade?

O site de qualidade é aquele que todos na web podem operar, consumir seu conteúdo e executar a ação que pretendem. Portanto, no seu site, o cego pode entender de que se trata uma foto porque o leitor de tela encontrou o texto alternativo. Em suas páginas, o portador de Síndrome de Down  não tem dificuldades de entender as informações destacadas porque você não depende de cores para transmiti-las. Nas postagens, o autista olha para o seu texto e compreende a estrutura de tópicos sem dificuldade.

Em termos práticos, ser acessível é isso!

Embora esses mitos existam, acessibilidade não é caridade e muito menos piedade. É obrigação de quem quer promover bom conteúdo na Internet. Em alguns materiais sobre o tema você encontrará a real e emblemática frase:

Se nem todos podem utilizar, então deficiente é o seu site.

A Ferramenta

Entretanto, como você se preocupa com a qualidade do seu site, recomendamos o portal Unidade Acesso que tem a ferramenta de testes AccessMonitor. Ela avalia o enquadramento de uma página nas diretrizes de acessibilidade do consórcio mundial da web. Dessa forma, você pode informar a URL ou colar o código fonte no sistema e ver, em uma escala de 1 a 10, a nota e um indicativo de cor sobre o quão adequada está a página às normas do W3C.

Página incial do Access monitor para você inserir sua URL e testar de acordo com as diretrizes de acessibilidade.

O relatório fica pronto bem rápido e são avaliadas as diretrizes de acessibilidade 1.0 e 2.0. Ao rolar a página você pode consultar o que está bom e o que pode ser melhorado, além de ter os porquês de cada aspecto.

Access monitor exibindo a nota 6.9 para um site de acordo com as diretrizes de acessibilidade 1.0

Na aba WCAG 2.0 há uma tabela mais sucinta na qual você vê onde estão os possíveis erros e pode expandir cada item para ver a explicação.

Página do Access Monitor mostrando a nota 5.5 para um dado site de acordo com as diretrizes de acessibilidade 2.0.

Conhecendo o AccessMonitor você já tem a terceira ferramenta para avaliar a qualidade do seu site, contudo, ainda há mais para aprender.

Continue aprendendo

Neste artigo você aprendeu que desempenho, interoperabilidade e acessibilidade são características de grande relevância para páginas da web. Além disso, aprendeu também a usar três ferramentas para avaliar a qualidade do seu site com rapidez e simplicidade.

Claro que existem outras avaliações: testes de segurança, testes específicos para dispositivos móveis, testes de usuário, testes A/B, testes SEO e outros. Você pode não tem que fazer tudo sozinho. Logo, deixe seu contato abaixo e receba gratuitamente uma análise profissional do  seu site.